2017 e ainda tem homem com nojinho de fazer sexo oral

nojinho

A primeira vez que comi sushi, lembro bem, foi uma das piores experiências da vida. Aquela coisa fria, inerte, com uma textura esquisita, sem falar no cheiro, ainda que discreto, de peixe cru. Detestei. Hoje, é uma das minhas comidas prediletas.

Conto isso porque fazer sexo oral é a mesma coisa. Acho difícil alguém dizer que achou o troço mais espetacular do mundo lamber as partes íntimas de uma pessoa. É natural que haja estranhamento. O que não é natural é gente sexualmente ativa que continua não gostando, não curtindo e, pior, não fazendo. E essa é uma das maiores reclamações das mulheres: homens que são mestres em dar um perdido e pular essa parte da brincadeira, sem mais nem menos.

Tem gente que acha tratar-se de um fenômeno dessa geração “leite com pera”, de meninos que fazem a sobrancelha, depilam o peito e tomam banho antes de transar, mas infelizmente a reclamação é antiga: muitos homens não gostam de fazer sexo oral. E não são poucos: 43% sentem-se “incomodados”. Como notícia ruim nunca vem sozinha, quatro em cada 10 caras simplesmente não se preocupam em retribuir o agrado à parceira. Que egoísmo.

Você pode achar que a moça não notou que ficou no vácuo, mas pode ter certeza de que ela percebeu, não esqueceu, anotou no caderninho e ainda contou para todas as amigas, entre um gole e outro de cerveja: aquele lá não gosta de buceta.

Primeiro, vamos à gravidade do problema: é nível altíssimo. Vocês já sabem que na vagina fica uma coisinha chamada clitóris, ignorada mesmo pela medicina até há pouco tempo. Acontece que aquele botãozinho é a única parte do corpo humano que tem como função única e exclusiva o prazer sexual. Só serve para isso, para mais nada. Imagine só.

O clitóris se enche de sangue e dobra de tamanho quando a mulher fica excitada. Na ponta da extremidade há uma confluência de oito mil terminações nervosas. Para você ter uma ideia, o seu pinto, que você acha que a coisa mais sensível do mundo, tem entre quatro e seis mil.

Por isso não dá para chegar, chegando, enfiando a mão. Por isso, a língua e a boca são perfeitos para explorar essa miniturbina sexual que as mulheres têm entre as pernas. Quanto mais você se dedica a essa parte da transa, mais a mocinha ficará excitada, molhada e perto de chegar ao orgasmo. Tem mais, quando a mulher goza, essa musculatura não relaxa imediatamente e essa é uma das razões que faz com que algumas tenham múltiplos orgasmos, se continuarem sendo estimuladas.

Imagine o que você pode estar perdendo. Ahh, mas eu uso as mãos. Não é a mesma coisa. A boca é quente, molhada e ainda vem com a língua que, bem treinada, faz toda tipo de malabarismo, que os dedos são incapazes.

Você já pode saber de tudo isso, mas ainda continuar cheio de neuras. Os motivos alegados entre os moços são quase engraçados. Medo de contrair DST, questões religiosas, falta de confiança na parceira. Tudo mentira, a gente sabe que vocês têm nojinho. Apenas alguns poucos admitiram, mas a realidade é essa, o problema tem a ver com gosto, cheiro e aparência da periquita. Engraçado que sexo anal todo mundo quer.

Vagina tem uma quantidade sem fim de formatos, como os pintos. Aquelas bucetinhas bonitinhas, depiladas, fechadinhas como botões de rosa, que você se acostumou a ver em revistas de mulher pelada, são quase todas filhas de Photoshop. E só ajudaram a deixar cada uma de nós acreditando que só a nossa é feia, esquisita e cabeluda.

Sobre o cheiro e sabor voltamos ao começo do texto. Tudo é uma questão de costume, ainda que eles variem de moça para a moça. Alguns homens dizem que o aroma de uma periquita saudável e bem cuidada é afrodisíaco. No Japão, vendem-se calcinhas usadas, em pacotinhos. Ninguém precisa chegar a esse nível de perversão. Mas um bom começo é dar uma segunda chance, uma terceira, uma quarta. Um dia, sem se dar conta, você estará se deliciando no meio das pernas das moças e elas vão dar o troco com gosto.

Anúncios

Sobre mariliz pereira jorge

Sou jornalista, moro no Rio, mas vivo com um pé – e metade do coração – em São Paulo, onde morei até maio de 2012. Adoro o cheiro do aeroporto, de andar em calçadas desconhecidas, de ouvir línguas que não entendo! De dançar até as pernas cansarem e de dar risada até a barriga doer… Não vivo sem Coltrane, cerveja gelada e sorvete no inverno. Adoro gente. Adoro tentar entender as loucuras da alma. Da minha e dos outros. E gosto de transformar isso em palavras, em frases e histórias. Hoje, sou colunista da Folha de S.Paulo, das revistas Harper's Bazaar e GQ e dona do meu nariz. Todo conteúdo publicado no blog é de minha autoria. Fui editora da Folha de S.Paulo, da TV Globo, das revistas Women’s Health e Men’s Health, repórter de Veja, além de ter contribuído para veículos como O Estado de S.Paulo, revistas Nova, VIP, Viva Saúde entre outros. Dei minhas voltinhas no mundo da publicidade, produzindo conteúdo para Brastemp, Consul e Itaú.
Esse post foi publicado em Coisas da vida, Sem categoria e marcado , , , , , . Guardar link permanente.

4 respostas para 2017 e ainda tem homem com nojinho de fazer sexo oral

  1. fregodoy disse:

    Bem, com é oq mais gosto de fazer fica fácil dizer “vcs não sabem oq estão perdendo”. Mas como tudo é questão de hábito (e gosto), devo aceitar o fato de que tem gente que curte fazer e tem gente que não curte. Assim como tem gente que não gosta de receber tb (e isso vale para ambos os sexos). Mas, enfim…..vcs não sabem oq estão perdendo…..rsrsrs.
    Mais um belo post. Parabéns.

  2. Paulo Antunes disse:

    Uma relação sem sexo oral é como beber cerveja sem álcool. Nunca vai ser a mesma coisa. Eu adoro receber e muito mais, muito mais mesmo é fazer. Hummmm…já estou salivando…hehehe
    Quando se faz com a pessoa amada é melhor ainda, é a forma mais pura de demonstrar o seu carinho. Sabor, amor e carinho é o tempero para um sexo oral saboroso e delicioso.

  3. Dalmo disse:

    Tesão é (ou deveria ser) uma sensação retroalimentada. Se a parceira mostra que está curtindo o sexo oral, sinto mais tesão ainda. E se ela já goza no sexo oral, sorte dela (e minha!) que ainda podem vir outros em sequência. Quer coisa mais linda que mulher gozando?
    Ótimo texto, Mariliz. 🙂

  4. Cristiane Dias disse:

    Mariliz, vc é simplesmente sensacional!
    Parabéns por mais um texto incrível!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s